dia-das-mulheres-gaslog

Dia da Mulher: Equipe feminina da Gaslog é chave para crescimento da empresa

Departamento que elas dominam tiveram as melhores avaliações dos clientes Gaslog

Cada vez mais empresas tradicionalmente dominadas por cargos masculinos estão se abrindo para a força de trabalho feminina. Por isso, na Gaslog não foi diferente. Ano passado, uma das estratégias do comercial foi reformular a equipe comercial e de atendimento de todo o grupo Ergon. Antes, as equipes comerciais e pós venda eram em sua maioria masculina. Agora, elas são essencialmente compostas por mulheres, inclusive em posições de liderança. O resultado dessa mudança foi rápido e se refletiu no índice de satisfação dos clientes, que chegou a quase 90%.

Com quase 20 mulheres trabalhando na Gaslog e no grupo Ergon, o CEO Wolney Pereira acredita que essa mudança de pessoal dentro da empresa ajudou no crescimento da Gaslog. Só no ano passado o aumento foi de 130% no número de clientes. Para ele, as colaboradoras dão mais atenção ao cliente e são focadas nos resultados. Isso traz um grande diferencial ao trabalho delas.

“Até junho do ano passado essa equipe era predominantemente masculina. No entanto, nós decidimos mudar esse cenário por conta do desempenho e aplicação das mulheres no trabalho”, afirma Wolney.

Recentemente, em pesquisa feita com clientes no Paraná e em Santa Catarina, a Gaslog teve um índice de 87% de satisfação dos clientes e 83% de satisfação no atendimento pós-venda. “A manutenção de clientes melhorou muito desde que fizemos essa mudança. Nós creditamos esses méritos a nossas funcionárias”, confirma.

Assim sendo, esse sentimento de mudança em um ambiente de trabalho mais diversificado é percebido também por parte das colaboradoras. Letícia Lemos, consultora comercial da Gaslog de Santa Catarina, acredita que esse voto de confiança da empresa mostra que mulheres também podem atuar com eficiência nesse mercado.“A mulher tem condição e competência para exercitar comportamento de resiliência, principalmente em um mercado que lida com pessoas, situações de negociação constante e crise. Seja em áreas estratégicas, seja em áreas em que a técnica está presente”.

Empatia com o cliente

Essa mudança vem reforçar um dos principais valores da Gaslog, que é prestar atendimento com excelência para os clientes, uma inovação no setor de gás. “A Gaslog prova que está aberta a fazer as coisas de uma forma diferente, e que também está disposta a olhar para o cliente de uma forma mais sensível e empática”, confirma a colaboradora Letícia Lemos.

Para Wolney, a experiência positiva só deixa as portas ainda mais abertas para as mulheres dentro do grupo Ergon. “Queremos ir além. Vamos ampliar o número de mulheres atuando nas áreas operacionais ao lado dos homens, para promover essa diversidade em todas as áreas da empresa. Hoje temos duas funcionárias que atuam nessa parte e se destacam por serem organizadas e eficientes”, finaliza.

Leia também