6611

Você sabia? GLP é energia mais eficiente e barata que elétrica e gás natural

O aquecimento de água num banho com GLP é 64,2% mais barato que o de energia elétrica.

Engana-se quem pensa que o GLP é exclusivo para uso na cozinha. O gás é muito eficiente em diversos segmentos e para diversos fins, inclusive para aquecimento da água de banho. Sua eficiência o torna mais barato que energia elétrica e o gás natural. A diferença é mostrada por um estudo feito pelo Sindicato das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo, o Sindigás, que mostra o gás LP como o insumo mais barato.

É possível estabelecer essa economia quando se compara um banho de 60 litros de água e 10 minutos com a energia elétrica. O mesmo banho aquecido pelo GLP sai 64,2% mais barato que o promovido por energia, segundo o estudo.

O gás LP também é mais barato que o gás natural, de acordo com o Sindigás. Na comparação, o aquecimento via GLP leva vantagem, ficando em São Paulo 23% mais barato que o natural, por exemplo. Além disso, o GLP se torna mais vantajoso que o gás natural, já que não depende de tubulações subterrâneas para ser instalado.

Constatações como essa servem para desmistificar a ideia de que o gás LP está restrito a ficar nas cozinhas brasileiras, quando ele pode ir além. Para o presidente do Sindigás, Bandeira de Mello, os consumidores ainda não têm a percepção que o GLP pode ser usado no lugar da energia elétrica para aquecimento de água.

Segundo ele, a imagem das grandes hidrelétricas dá a impressão da fartura de energia e com isso que ela seja barata. “Nós ainda somos viciados que energia elétrica é abundante. Hoje energia é extremamente cara para o brasileiro”, avisa.

Mas, além disso, o GLP pode ser usado para outros fins dentro de casa: geradores, aquecedores, ar condicionados, lareira a gás, aquecedores de piscina e muitos outros. O gás LP é muito versátil.

Instalação mais barata e mais viável para construções

Além disso, um outro estudo realizado pela Universidade de São Paulo, USP, mostra que a construção de uma casa pensada para o uso inteligente de GLP seria mais barata que a para o uso do chuveiro elétrico. “Existe uma crença que o chuveiro elétrico é barato. Mas ele precisa de itens como o tubo e disjuntor. Já o aquecedor fica na área de serviço que é perto do fogão. Fazer o desvio custa muito pouco”, esclarece o presidente.

22

Leia também